Caixa de pássaros - Resenha

by - dezembro 23, 2018

Caixa de Pássaros é um romance pós-apocalíptico escrito por Josh Malerman, que foi publicado nos Estados Unidos em 2014.
Malorie, a personagem principal, está no início de uma gravidez quando começa a ver notícias sobre uma coisa que está transformando as pessoas em suicidas. Ela mora com a irmã e está muito focada na descoberta da gravidez e em como contar para os pais, não dá a devida importância para as notícias, mas sua irmã está mais atenta.
Não se revela como é a coisa ou criatura, pois todas as pessoas que olham para ela perdem o sentido e passam a agredir os outros e se machucar. Acontece com a irmã de Malorie e ela tem que sair da casa para procurar outras pessoas.
Há um anúncio no jornal sobre uma casa recebendo pessoas. Ela consegue chegar à casa onde é recebida por Tom, que se torna uma espécie de líder da casa e outras pessoas. Dentro das casas as pessoas deixam janelas e qualquer abertura muito bem fechados e evitam contato com o exterior, qualquer momentofora da casa tem que ser de olhos vendados.
O livro, assim como o filme, alterna momentos na casa onde Malorie está com os moradores, inclusive outra grávida e momentos em que ela está num barco com duas crianças em busca de outro lugar seguro.

O filme inspirado no livro é a novidade do momento na Netflix. Há algumas coisas diferentes, mas no geral ele é fiel ao livro. A minha mudança favorita é o perdonpers Tom, no filme ele acaba ficando mais tempo na vida de Malorie, o que certamente faz a vida de ambos ser um pouco melhor.
Tanto o filme quanto o livro me agradaram muito, sou fã de histórias apocalípticas, monstros, suspense, sobreviventes. Como normalmente acontece, o livro tem mais detalhes que o filme, especialmente o final parece muito mais assustador e desesperador quando se lê.
Essa é uma das poucas histórias que eu conheci primeiro o filme para depois ler o livro, mas acho que com a maioria das pessoas isso acontece sempre. Então é muito bom ter adaptações assim, que atraiam mais leitores, tenho certeza que muitas pessoas vão ver o filme e correr pra comprar o livro. Recomendo que assim o façam.

You May Also Like

0 comentários

Obrigada por visitar meu espaço. Fico muito feliz com comentários, mas apenas sobre a postagem. Opiniões, elogios e críticas construtivas são bem-vindos.
Para outros assuntos, use o formulário de contato.

Instagram